Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão

A hipertensão é uma condição de saúde onde há o aumento dos níveis da pressão arterial devido à um aumento da força exercida pelo coração e vasos sanguíneos para impulsionar o sangue por todo nosso corpo.

Quando a pressão arterial se torna aumentada, ou seja, com valores iguais ou superiores a 140×90 mmHg (14 por 9), pode haver o surgimento de complicações e eventos de saúde, como a ocorrência de um acidente vascular cerebral, infarto e até mesmo, alterações renais.

O aumento da pressão sanguínea pode ser bastante silencioso, o que reforça a orientação de se manter em dia com as consultas médicas e exames de rotina para monitoramento de sua saúde. Apesar disso, alguns sintomas podem aparecer, tais como: tonturas, falta de ar, dores de cabeça e alterações visuais.

Algumas das principais causas da hipertensão são: sobrepeso e obesidade, histórico familiar da doença, estresse excessivo, envelhecimento e maus hábitos de vida, como o consumo excessivo de sal, álcool e drogas ilícitas. Estima-se que somente o aumento de peso corporal contribua para que acelere o desenvolvimento da doença em até 10 anos.

A hipertensão é uma doença crônica, que não possui cura, porém pode ser controlada, principalmente através da melhora de hábitos de vida e em alguns casos também, se faz necessário o uso de medicamentos.

Para prevenção do desenvolvimento da hipertensão, atente-se a:

  • Realizar uma alimentação variada, colorida, com baixo consumo de sal e alimentos ricos em sódio, como embutidos, macarrão instantâneo e temperos prontos;
  • Controlar o peso corporal e a circunferência abdominal;
  • Prática regular de atividades físicas;
  • Evitar o tabagismo, o consumo de bebidas alcoólicas e alimentos processados e gordurosos.

 

Você saudável é a nossa meta!