Qual a importância da vacinação?

As vacinas são substâncias produzidas em laboratórios, com o objetivo de auxiliar e estimular nosso corpo a produzir seus próprios anticorpos, para a proteção do nosso organismo, contra alguns tipos de doenças.

A vacina é considerada uma das maiores conquistas da saúde pública mundial.

As vacinas podem causar doenças?

Não. A produção das vacinas é feita a partir do vírus de determinada doença (morto ou inativado), para que nosso corpo, ao receber a vacina, reconheça estes organismos como causadores de doenças e os combata quando entrarmos em contato com estes, no meio ambiente ainda vivo. As vacinas previnem a contaminação da população e reduzem o número de mortes.

O que pode ocorrer, são eventuais reações adversas, como: febre baixa, mal-estar, diarreia, dor, vermelhidão e endurecimento do local de aplicação, dores musculares e irritabilidade. Todos estes sintomas são de curta duração.

Dicas para lidar com as reações adversas:

  • Realizar compressas frias (não colocar compressas quentes) no local de aplicação da vacina, para alívio da dor e da inflamação local;
  • Não aplicar qualquer produto sobre o local de aplicação da vacina, como: cremes, pomadas e outros, assim como, não fazer curativos;
  • Evitar coçar o local;
  • Lavar o local da aplicação apenas com água e sabão e mantê-lo seco;
  • Em casos de mal-estar, febre e dores pelo corpo, busque manter repouso;
  • Em casos de enjoo, busque alimentar-se de forma mais saudável e leve (em pequenas porções ao longo do dia);
  • Uso de analgésicos, conforme orientação médica, se necessário;
  • Mantenha atenção ao tempo de permanência (com melhora em cerca de 3 dias) e a intensidade dos sintomas e caso necessário, consulte um médico.

Você sabia?

Após o início do desenvolvimento e aplicação das vacinas, houve redução considerável da quantidade de casos de doenças infecciosas em toda comunidade, hospitalizações, gastos com medicamentos, redução do número de mortes e erradicação de doenças.

Além de proteger a pessoa vacinada, a vacina também evita o contágio das pessoas não vacinadas, prevenindo a ocorrência de surtos e epidemias, causadas por algumas doenças.

Diversas doenças comuns em nosso país e no mundo foram erradicadas, graças a imunização em massa da população. Alguns exemplos dessas doenças são: poliomielite, rubéola, tétano e a coqueluche.

A responsabilidade pela manutenção de sua saúde e imunização também é sua!

Mantenha sua carteira de vacinação atualizada.

A vacinação evita doenças e salva vidas. É um compromisso com a saúde pública!