QUAIS AS FORMAS DE PREVENÇÃO CONTRA O VÍRUS INFLUENZA?  

Para evitar a contaminação pelo vírus, podemos adotar cuidados relacionados a higienização frequente das mãos, etiqueta respiratória, manutenção de uma alimentação saudável e principalmente, através da imunização. 

QUAIS SINTOMAS ADVERSOS POSSO TER APÓS TOMAR A VACINA? 

A vacina contra a gripe é feita através de um vírus morto. Apesar de não causar a doença, alguns sintomas podem ocorrer após a vacinação, sendo eles:  

  • Dor, vermelhidão e endurecimento do local de aplicação; 
  • Febre baixa e mal estar geral; 
  • Dores musculares.

Para alívio dos sintomas, você pode realizar compressas frias no local de aplicação da vacina, manter repouso relativo, boa hidratação e alimentação equilibrada, além de fazer uso de medicamentos analgésicos e antitérmicos, conforme necessidade e indicação de seu médico. 

COMO POSSO ME IMUNIZAR CONTRA A INFLUENZA? 

Todos os anos, a vacina da gripe é disponibilizada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para a população. As campanhas funcionam sempre imunizando, primeiramente, os indivíduos que pertencem aos grupos de risco. Este ano, a primeira etapa da campanha de vacinação contra a gripe foi antecipada para o dia 23/03/2020. 

Pertencem aos grupos de risco: idosos com mais de 60 anos, profissionais da área da saúde e portadores do vírus HIV. Para imunizar-se através do SUS, é preciso comparecer a uma Unidade Básica de Saúde (UBS) portando um documento de identificação oficial com foto e cartão SUS (se possuir). 

VEJA O CRONOGRAMA DE VACINAÇÃO DAS ETAPAS SEGUINTES, ABAIXO: 

2° ETAPA – 16/04 – portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e povos indígenas. 

3° ETAPA – 09/05 – professores de escolas públicas e privadas, crianças (6 meses a menores de 6 anos), gestantes, puérperas, adultos de 55 a 59 anos de idade e pessoa com deficiência. 

O dia “D” de mobilização nacional de vacinação contra a influenza será no dia 9 de maio de 2020. A campanha está prevista para seguir até o dia 22 de maio. 

ATENÇÃO: há contraindicação para crianças menores de seis meses e pessoas alérgicas à ovo. 

Lembrando que a vacina da gripe não combate o COVID-19, as medidas são apenas sanitárias, conforme orientações da OMS. Em caso de dúvidas, você pode obter informações através de uma UBS, um profissional de saúde ou entre em contato no 156 ou nos canais de comunicação do SUS de sua cidade. 

CONTRA A GRIPE, NÃO VACILE. VACINE-SE!